Abertura de Empresa – Como abrir uma Lanchonete

abertura de empresa - como abrir uma lanchonete

Se você está buscando informações de como abrir uma lanchonete saiba que esse texto foi feito especialmente para tirar todas as suas dúvidas.

Trabalhar com a venda de alimentos é sempre um negócio promissor, há sempre oportunidade, pois, as pessoas não deixam de se alimentar.

No entanto, para começar um negócio nessa área é preciso tomar alguns cuidados, entre eles está à questão do registro junto aos órgãos responsáveis e os alvarás de funcionamento que devem ser adquiridos na prefeitura de sua cidade.

Para não correr riscos de multas, notificações e até mesmo ser impedido de trabalhar é muito importante que você contrate os serviços de um contador para que ele lhe oriente sobre os procedimentos corretos.

Quer aprender mais dicas de como abrir uma lanchonete? Então não deixe de ler o texto abaixo com bastante atenção.

Falar com um Contador Especialista

Como abrir uma lanchonete? Veja agora as 7 melhores dicas

Para que você obtenha sucesso no seu negócio é muito importante buscar informações seguras. São elas que vão lhe orientar sobre o que fazer para ter um negócio de sucesso.

Começar um empreendimento no ramo de alimentos na informalidade pode parecer um ato econômico. No entanto, as dores de cabeça que podem surgir serão tão grandes que você verá que não vale à pena.

Conheça agora 7 dicas de como abrir uma lanchonete:

1- Escolha seu público-alvo ou nicho de mercado

Escolher o público alvo para quem está em dúvida de como abrir uma lanchonete pode parecer simples.

Quando você pensa em abrir um comércio dessa natureza logo vem à mente oferecer opções de lanches para pessoas que querem fazer refeições rápidas.

Mas você já parou para pensar que todas as pessoas se alimentam e fazem lanches dos mais variados tipos?

Isso quer dizer que público-alvo é algo muito amplo e conseguir atender todas as pessoas ao mesmo tempo é impossível.

Por isso, na hora de abrir o seu negócio é muito importante escolher o seu nicho de mercado.

Você pode estar se perguntando o que isso significa? Nicho de mercado é uma parte menor do público alvo com necessidades específicas.

A expressão “uma parte menor” não quer dizer que sejam poucas pessoas, mas sim pessoas com gostos parecidos.

Portanto, se você quer saber  como abrir uma lanchonete e obter sucesso no seu negócio é preciso identificar as necessidades do seu nicho.

Dentro da área de lanches é possível comercializar vários tipos, veja abaixo alguns deles:

  • Lanches saudáveis e fit;
  • Lanches convencionais como pastes, coxinhas e outros salgadinhos;
  • Lanches para pessoas intolerantes ao glúten ou lactose;
  • Lanches veganos e vegetarianos;
  • Lanches orgânicos;
  • Lanches low carb e muitas.

Esses são só alguns exemplos de nichos de mercados que podem ser explorados e que são altamente lucrativos.

Embora as preferências sejam diferentes, há um grande número de consumidores dispostos a pagar por lanches fora de casa.

Quanto maior o poder aquisitivo, maiores as possibilidades de fazerem lanches fora de casa. Algumas pessoas começam a dar valor no simples fato de comer fora de casa.

2 – Vá até o seu público

Depois que você escolheu o seu nicho de mercado é hora de descobrir onde ele está e procurar formas de se aproximar dele.

Essa é uma das estratégias para quem busca informações de como abrir uma lanchonete que não pode ser menosprezada.

Se você escolheu vender lanches fitness um dos lugares ideais para montar o seu negócio é próximo a academias de ginástica ou locais com grande concentração de mulheres, pois elas se preocupam muito mais com essa questão.

Os frequentadores desse tipo de ambiente são naturalmente preocupados com a alimentação. Se forem comer fora de casa optam por alimentos que não comprometam a qualidade da sua alimentação.

Faça um estudo sobre os hábitos de seus potenciais clientes e os lugares que eles costumam frequentar para estar em locais próximos deles.

3 – Registre seu negócio

Vender alimentos é uma área promissora e muito lucrativa. No entanto, é também uma das mais fiscalizados pelos órgãos controladores.

Sendo assim se você está pensando em como abrir uma lanchonete o primeiro passo é procurar as orientações de um contador.

Ele é o profissional capacitado e devidamente habilitado para lhe oferecer as informações que você precisa para começar o seu negócio de maneira legalizada.

É muito importante que você dê atenção especial às normas da vigilância sanitária.

Caso não haja adequação, você não receberá o alvará de funcionamento.

Se com o passar do tempo as normas forem descumpridas, você pode ser notificado, multado e até mesmo impedido de continuar com as suas atividades.

Cada cidade tem seus próprios regulamentos, no entanto, a base para eles são as regras de vigilância sanitária vigentes no país.

Normalmente as prefeituras oferecem treinamentos para que as pessoas que querem se capacitar, para isso basta procurar o órgão responsável afirmando que você busca informações da vigilância sanitária de como abrir uma lanchonete.

4 – Faça uma análise de seus concorrentes diretos e indiretos

É muito importante conhecer seus concorrentes diretos e indiretos. Você sabe qual a diferença entre eles?

Os concorrentes diretos são aqueles que comercializam os mesmos produtos que você.

Dentro dessa categoria existem os concorrentes 1 e 2.

O concorrente 1 tem um negócio idêntico ao seu e geralmente está bem próximo de você.

Enquanto que o concorrente 2 comercializa os mesmos produtos, mas possui pontos de venda diferentes do seu.

Os concorrentes indiretos são aqueles que, embora não venda o mesmo produto que você, eles sabem como oferecer opções para atrair o seu público.

Para conhecer bem o seu concorrente é preciso que você se torne cliente dele.

Dessa forma você vai conseguir informações sobre as possíveis variações de preços, qualidade do produto e as principais ações de marketing que são praticadas.

Para identificar o seu concorrente indireto é preciso estar atendo ao seu negócio.

Observe como estão as vendas e se as pessoas estão entrando e saindo sem comprar.

Veja também se elas se dirigem para às lojas próximas e efetuam compras ali. Seu concorrente indireto pode ser esse.

Tenha em mente que essa não será uma tarefa fácil, mas faz parte do processo de quem aprender como abrir uma lanchonete e obter sucesso.

O consultor de marketing do SEBRAE- São Paulo afirmou no site da Revista Pequenas Empresas Grandes Negócios, que: “Hoje, com a diversidade de produtos comercializados num mesmo ponto de venda (PDV), com os vários modelos de PDV existentes e os diversos aspectos operacionais desses PDVs, fica cada vez mais difícil identificar o concorrente”.

Se você quer ter sucesso no seu negócio, faça uma boa análise de seus concorrentes diretos e indiretos, mesmo que isso pareça algo muito difícil de fazer.

5 – Faça um levantamento de quanto dinheiro você tem para investir

Essa é uma das informações que fazem parte do processo para quem está estudando as melhores formas de como abrir uma lanchonete.

É baseado nessa informação que você poderá decidir o tamanho do seu negócio.

Uma das grandes vantagens de montar uma lanchonete é que você não precisa de um espaço muito grande, pois esse é um lugar em que a maioria das pessoas comem e vão embora.

Após definir o valor disponível em dinheiro será preciso enumerar as despesas:

  • Aluguel e /ou adequação do local onde a lanchonete funcionará;
  • Itens para cozinha da lanchonete;
  • Móveis;
  • Material de escritório e caixa;
  • Gastos com registro do seu negócio;
  • Suprimentos para começar a produção;
  • Reserva para emergências;
  • Investimento em comunicação;
  • Reserva para dar suporte enquanto o negócio se consolida.

Dentro dos itens de cozinha é preciso é preciso fazer uma lista completa e de acordo com os produtos que você vai comercializar.  Os principais são:

  • Balanças para pesar os ingredientes na hora de preparar os lanches;
  • Botijões de gás é preciso ter pelo menos 2 no estoque para evitar imprevistos;
  • Chapas, caso seu negócio inclua algum alimento preparado nela;
  • Coifas;
  • Espremedor de frutas;
  • Fogão comum e industrial;
  • Fornos elétricos ou a gás;
  • Fritadeiras elétricas;
  • Forno de micro-ondas;
  • Freezers horizontais e verticais;
  • Geladeiras;
  • Utensílios para a cozinha (panelas, colheres grandes, abridor de massa e de latas, bacias, facas e outros);
  • Multi processadores;

6 – Crie uma marca para o seu negócio

Não há como abrir uma lanchonete sem pensar na criação de uma marca.

Quando você vê a letra m bem grande na cor amarela com o fundo vermelho, o que vem à sua mente?

Mc Donald’s não é mesmo? Esse é um dos grandes exemplos do poder de uma marca.

As cores usadas na composição da logo também não são por acaso.

Segundo informações publicadas na revista Época Negócios, as pessoas decidem se vão comprar algo em apenas 90 segundos.

Entre 62% a 90% por cento tomam essa decisão baseadas nas cores. O amarelo desempenha um importante papel de transmitir a sensação de conforto e confiabilidade.

Enquanto que a cor vermelha é responsável por aguçar o apetite. Portanto, a união dessas cores em empreendimentos voltados para o ramo de alimentação contribui para que seu negócio tenha mais sucesso.

Mas atenção! Nada de sair por aí criando sua marca baseado apenas nessa informação. Contrate um profissional devidamente capacitado.

Use as cores da sua marca para decorar o sua lanchonete interna e externamente. A criação de uma identidade vai ajudar a reformar a sua presença diante da concorrência.

7 – Abertura da lanchonete: Invista em comunicação

Após ler todas as dicas que foram ensinadas acima, com certeza você já saberá como abrir uma lanchonete, portanto agora é a hora de começar as atividades do seu negócio.

Uma das formas de começar bem é investindo em comunicação. Use as mídias convencionais que atendem a sua região.

Pode ser rádio, TV, panfletos ou ações promocionais para atrair seus primeiros clientes.

Não deixe de marcar presença na internet, ela é um campo vasto de oportunidades e boa parte delas é gratuita.

É possível criar um blog com divulgações diárias de seus produtos e ainda criar perfis nas redes sociais para que mais pessoas conheçam o seu negócio.

Tenha em mente que todos os valores pagos nas ações de comunicação não devem ser considerados gastos, mas sim investimentos.

Como abrir uma lanchonete: documentos necessários

Nenhum empreendimento deve começar sem antes ser devidamente registrado, portanto se você quer saber como abrir uma lanchonete precisa ficar atento aos documentos necessários.

Além disso, é possível que em ato de fiscalização, você seja impedido de continuar com as atividades até que a situação seja totalmente legalizada. Fora os riscos de multas.

Sendo assim, veja abaixo a lista de documentos necessários para legalizar o seu negócio.

1 . CNPJ: é um documento essencial para a empresa, pois é a sua identificação. Para consegui-lo é preciso seguir o fluxo de abertura de empresa, após o contrato ser registrado na Junta Comercial.

2. Contrato social: esse documento deve ser elaborado por um contador. É nele que vão constar todas as informações sobre a empresa, tais como nome, endereço, atividade e direitos e deveres dos sócios.

3. Registro na junta comercial: esse é o documento que garante a existência real da empresa. Seu contrato social será registrado e nesse momento, você já é empresário.

4. Alvará de funcionamento: é um documento indispensável principalmente no ramo de alimentos, que nesse caso pode ser um pouco mais burocrático. Para obtê-lo é preciso procurar a prefeitura de sua cidade.

5.   Inscrição municipal: esse documento também é obtido junto à prefeitura. É por meio dele que o município recolhe o ISSQN- imposto sobre serviço de qualquer natureza.

6.  Inscrição Estadual: toda empresa precisa ter esse registro, ele é emitido na Secretaria de Estado de Fazenda, sua função é regular o recolhimento do ICMS- Imposto sobre circulação de mercadorias e serviços. .

7. Licença: para o funcionamento de lanchonetes será preciso emitir a licença sanitária e provavelmente o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros, por se tratar de um local com a presença de botijões de gás e manuseio de equipamentos que usam fogo.

8. Registro na Previdência Social: esse também é um dos documentos que não pode faltar, pois é por meio dele que você começa a contribuir com a previdência.

Como abrir uma lanchonete: por que a presença de um contador é tão importante

A lista de documentos para quem está aprendendo as dicas de como abrir uma lanchonete é extensa.

Sem contar, que embora o registro seja necessário, o processo para fazê-lo é totalmente desgastante.

Sendo assim, a presença de um contador é indispensável. Ele é o profissional devidamente habilitado e capacitado para lhe instruir sobre toda a documentação necessária.

Além disso, ele vai acompanhar e facilitar o processo de registro de forma que você não tenha estresse, nem dores de cabeça.

O contador também vai lhe dar dicas de como gerir o seu negócio de maneira segura e ainda garantir que as suas contribuições referentes aos tributos obrigatórios estejam sempre em dia.

Evitando notificações e multas que podem levar ao aumento de seus gastos. Também pode te ajudar na gestão financeira e na gestão empresarial que precisa para ter sucesso ao abrir uma lanchonete.

Conclusão

Se você quer de fato aprender como abrir uma lanchonete, todas as informações acima servirão de guia para que você comece bem o seu negócio.

No entanto, nenhuma informação substitui as orientações e o trabalho de um bom contador especializado.

Se você ainda não sabia como abrir uma lanchonete e obter sucesso,  basta seguir as dicas do texto.

No entanto, não deixe de contratar um contador especializado em pequena empresa  para que a sua empresa funcione sempre dentro das exigências da lei evitando denúncias e interrupções nas suas atividades.

Falar com um Contador Especialista

Portal Gerando Empreendedores
Portal Gerando Empreendedores
A primeira escola de empreendedorismo no Brasil formada por Contadores e Financistas Especializados. Somos o maior apoio paras as Micro e Pequenas Empresas.
Preciso de Ajuda