A importância do contador na gestão: o que as empresas precisam atualmente?

a importância do contador e de contrarar um escritório de contabilidade.

Você sabe exatamente qual é a função do contador na gestão de um negócio? Sabe o que as empresas precisam atualmente quando o assunto é contabilidade? Essa é uma questão fundamental para todo empreendimento, independente do tamanho, que quer prosperar e conquistar sua fatia de um mercado cada vez mais difícil, predador e competitivo.

O Gerando Empreendedores vai mostrar a importância do contador na gestão: o que as empresas precisam atualmente, apresentando uma visão muito mais profunda do exercício contábil, que vai além da gestão das obrigações financeiras e de legislação, transformando-se em uma verdadeira consultoria.

Esqueça-se da imagem do contador tradicional, que se limita a calcular e entregar os boletos dos impostos devidos e organiza a folha de pagamento, entre outras tarefas obrigatórias e cotidianas. A importância do contador na gestão passa hoje pelo desafio de entender a empresa com o um todo e ajudar na gestão, oferecendo informações profundas e claras para a tomada de decisões. Uma empresa de contabilidade deve mostrar erros, acertos, caminhos, sugestões e ajudar de forma relevante a gestão do negócio.

Quais empresas precisa contratar um contador?

A exceção do Microempreendedor Individual (MEI), todas as empresas constituídas e devidamente registradas no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), da Receita Federal, devem contar com os serviços de um contador ou de um escritório de contabilidade, de acordo com a Lei 10.406/2002, artigo 1.179, do Novo Código Civil, que dispõe sobre o tema.

Importante pontuar que o profissional de contabilidade contratado deve necessariamente ser registrado no Conselho Regional de Contabilidade (CRC). Vale destacar que o MEI não precisa de contador porque os impostos recolhidos mensalmente são fixos, independente do faturamento.

Não contratar um contador pode gerar muitos problemas

Já vimos que a contratação de um profissional ou de um escritório de contabilidade é obrigatória, de acordo com o Novo Código Civil. Mas além de ficar à margem da legalidade, o que acontece com uma empresa que não utiliza os serviços de um contador, seja ele um profissional freelancer ou contratado?

Antes de tudo, é bom lembrar que o Brasil tem um sistema tributário muito complexo. Se o pagamento de um imposto apenas passar desapercebido e não for devidamente recolhido, a empresa se torna irregular. Ou seja, não pode obter crédito, não pode participar de licitações, não consegue certidões negativas e vai pagar multas que, dependendo do tempo, podem se tornar extremamente onerosas.

A ausência de um profissional de contabilidade pode gerar dívidas, levar a empresa para a ilegalidade e certamente irá no mínimo afetar toda a sua saúde contábil. Essa discussão é relevante até mesmo na hora de legalizar o empreendimento. Com o intuito de economizar recursos, muitos empreendedores preferem enfrentar essa tarefa sozinhos, levando muito mais tempo em todo o processo e realizando-o de forma inadequada. O prejuízo é certo!

Falar com um Contador Especialista

As principais tarefas do contador

O profissional de contabilidade atua na abertura e fechamento da empresa, mas principalmente durante sua operação. Ele é o responsável pelo cumprimento de toda a legislação, além de controlar a movimentação financeira da empresa. É a contabilidade quem organiza o quanto foi arrecadado, gasto e o que se tornou lucro.

No dia a dia da gestão empresarial, ele cuida:

  • Conciliação bancária (análise de saldos bancários e registros de entradas e saídas);
  • Fluxo de caixa;
  • Indicadores (indicadores de desempenho financeiro);
  • Contas a receber (controle e análise dos recebíveis);
  • Contas a pagar (administração de pagamentos da folha de colaboradores, fornecedores e consumo);
  • Crédito (análise e avaliações para futuras operações do negócio);
  • Documentação fiscal.

Mas será que é só isso? O contador consultor

Só isso? O trabalho da contabilidade é extenso, cheio de responsabilidades e detalhista, mas com certeza as empresas atualmente precisam de mais! Precisam, sim, de todo trabalho tradicional burocrático, mas o mercado impõe desafios que exigem tomadas de decisões velozes e constantes. E o contador deve funcionar nesse momento com um consultor, um verdadeiro conselheiro.

Isso significa que o trabalho do contador deixou de ser apenas operacional e se tornou estratégico. Este profissional deve oferecer ao empreendedor todas as informações sobre o negócio, de uma forma compreensível e que funcione como um autêntico raio-x. Mal comparando, é como se o trabalho de consultoria do contador fosse um GPS, auxiliando ao empresário dirigir pelas ruas, estradas e vielas do seu mercado.

Isso porque o contador tem meios para transformar os números em informações valiosas. Assim, o empresário pode ter uma visão muito mais real e profunda de seu próprio negócio. E mais: o contador deve atuar como um conselheiro, mostrando possibilidades, revelando erros, explicando inconsistências, turbinando ainda mais resultados positivos.

Com o auxílio de softwares modernos e cada vez mais inteligentes, o contador apresenta relatórios, quadros, esquemas e gráficos, traduzindo exatamente o que os números da empresa revelam e que, até então, não era visto e entendido pelo empresário.

O melhor contador é aquele que atua como um consultor de negócios. E é exatamente disso que as empresas precisam, como um diferencial para enfrentar os desafios do mercado. Um exemplo que mostra isso de forma bem absoluta é a gestão de impostos. O contador não atua mais apenas gerando os boletos para pagamentos dos impostos em dia. Ele estuda a legislação e propõe, dentro da legalidade, a forma mais vantajosa de estar em dia com os impostos.

O que as empresas precisam além da parte burocrática da contabilidade?

A importância do contador na gestão e o que as empresas precisam atualmente, isso já ficou bem claro aqui. Que o contador deve atuar como um verdadeiro consultor, até mesmo como um conselheiro, isso também é fato. Mas o que pode ser feito por esta contabilidade atual, que vai além dos controles burocráticos? Como a contabilidade pode se transformar em uma ferramenta de gestão?

A previsibilidade dos lucros é um dos trabalhos a ser realizado. Está na hora de investir? É preciso fechar as torneiras? Novos negócios são pertinentes naquele determinado momento? É preciso fugir da adivinhação ou apostar apenas na sua intuição empresarial. O seu contador dispõe de números que certamente irão lhe ajudar a tomar decisões com muito mais chances de acerto. A estatística pode ser muito útil nesse momento, bem como o entendimento dos números da empresa.

Planejar as despesas de uma forma muito mais assertiva também é uma tarefa que a contabilidade moderna toma para si. É a partir de uma análise do desempenho contábil da empresa que é possível fazer um bom planejamento estratégico, e esse desempenho é muito mais profundo do que a conta do que entra menos o que sai. Quais períodos que apresentaram maior gasto? Por quê? Como foi a gestão do estoque no período? E os gastos com a folha de pagamento dos funcionários?  Como está o capital de giro, quais variações ele sofreu, e por quê? Planejar as despesas é de suma importância, mas tem que fazê-lo de forma consistente e real.

A previsão de crescimento também deve ser feita a partir de dados concretos e solidificados. O contador vai ajudar o empresário a prever o quanto vai crescer nos próximos períodos, planejando investimentos e ações. Os imprevistos acontecem e também devem ser analisados pelo contador para entender cada vez mais o ritmo da empresa.

Há diversos ramos da contabilidade, que certamente ajudarão na melhor gestão contábil de sua empresa: contabilidade financeira, contabilidade fiscal, contabilidade governamental, contabilidade bancárias, contabilidade imobiliária, contabilidade gerencial, contabilidade consultiva, auditoria, perícia e outras.

A contabilidade consultiva

Os contadores têm, hoje, uma função muito mais ampla no negócio de seus clientes. É a contabilidade consultiva (assim como a contabilidade gerencial), que oferece uma interação entre contador e o cliente muito maior, acompanhando todo o desenvolvimento do negócio. O contador entende as reais necessidades do seu cliente, e atua nesse sentido, oferecendo amplo material para a tomada de decisões. O contador pensa em estratégias, estuda técnicas de gestão, mapeia os problemas e as inconsistências, propõe soluções na contabilidade consultiva. Ele faz o planejamento tributário, financeiro e estratégico, disponibiliza ferramentas de controle e prepara a empresa para estar capaz de atender a demanda do mercado.

A contabilidade digital

A contabilidade digital nada mais é do que a contabilidade que se utiliza dos mais variados e modernos softwares que ajudam na gestão contábil das empresas. Essas ferramentas mais do que melhoram a produtividade do trabalho contábil. Na verdade, aprofundam os resultados, eliminam erros e apontam caminhos, gerando relatórios, tabelas e quadros ilustrativos que ajudam a compreender mais facilmente o difícil mundo dos números.

Por meio destes programas de computador, o contador pode promover uma contabilidade em tempo real, o que certamente traz ganhos importantíssimos na tomada de decisões. São tecnologias com inteligência artificial, Big Data e blockchain que estão mudando a contabilidade cada vez mais profundamente – para melhor, claro.

Quer gastar menos com impostos?

Já falamos aqui do pagamento de impostos. A importância do contador na gestão passa, também, pela questão tributária, e as empresas precisam disso. Você sabe o que é elisão fiscal? O seu contador certamente sabe. Elisão fiscal é um conjunto de ações e estratégias que o contador define para diminuir o gasto com impostos, obviamente dentro da legalidade. O objetivo pé diminuir a pesada carga tributária, o que tanto atrapalha a competitividade das empresas. O contador atual vai trabalhar essa questão também prioritariamente porque gera menos despesas e torna a empresa mais competitiva.

O melhor escritório de contabilidade para seu negócio

O Gerando Empreendedores mostrou o papel do contador na gestão; o que as empresas precisam atualmente. Os ganhos são muitos e urgentes! O próximo passo é saber escolher o melhor escritório de contabilidade para o seu negócio, e sobre isso temos um post – Como contratar um bom contador para sua empresa – que também merece a sua leitura.

Vamos agora passar para o próximo passo para você que precisa realmente de uma assessoria contábil de qualidade. Para você que precisa abrir uma nova empresa, pode contar com nosso serviço de abertura de empresa.

Se você já tem um negócio funcionando a precisa apenas trocar de escritório de contabilidade, nós também te ajudaremos com serviços especializados m todo o Brasil.

Você pode falar com um de nossos especialistas em todo o Brasil.

Falar com um Contador Especialista

Portal Gerando Empreendedores
Portal Gerando Empreendedores
A primeira escola de empreendedorismo no Brasil formada por Contadores e Financistas Especializados. Somos o maior apoio paras as Micro e Pequenas Empresas.
Preciso de Ajuda
Open chat